Coisas Da Vida !!!

A vida pode nos deixar de "boca aberta" em momentos e circunstâncias velhas, novas, iguais e diferentes

Portão de Desembarque - Parte I

by - 9:45 AM

Eu realmente achava que essas coisas não aconteciam, pelo menos não comigo. Mas não, lá estava eu aguardando no portão de desembarque, ansiosamente, seu aparecimento.

Talvez muitos leiam e simplesmente afirmem, ah, a Emma sempre tem dessas. Hunf, odeio quando fazem esse tipo de comentário. Como assim dessas? Quem foi que falou que não posso sonhar mais do que o normal, assim como me encantar muitas vezes.

Aposto que não está compreendendo muita coisa, até porque, há tempos atrás eu falava do Henrique, lembra?! É na verdade, Henrique é um caso à parte, talvez um dia consiga compreender. Enquanto isso, conversamos de maneira civilizada com pequenas graças. Entretanto, quem vai sair desse portão... Ah...Ok, ok, tentarei voltar um pouco no tempo. 

Estava eu me recompondo de mais uma de minhas nada positivas experiências sentimentais, por assim dizer. Por alguma razão, costumo gostar daqueles que não me querem. Já sei, você também já ouviu algo parecido né, então...

Eu realmente estava brava. Porque parecia que daquela vez ia dar certo, pelo menos era o que tudo indicava. Eu devia ter desconfiado, pelo menos desconfiado antes de vê-lo com aquela ruiva pendurada no pescoço dele. Corri que nem uma louca. Não olhava para frente...

Pow...Levei um tombo após ter trombado com pelo menos 1m80 de alguma coisa. Quando me dei conta estava sentido o frio do piso e alguém tentava, gentilmente, me acordar. Quando abri os olhos lá estava ELE, sério, não é conto. Do lado dele, meu amigo gritava desesperadamente.

- Emma, EMMA. ACORDAAAAA!!! Por favor!!! Como você está?! ...

Blá, blá, blá foi o que eu consegui ouvir de resto, enquanto tentava me recompor, isso porque Giovanni tem hora que extrapola. Meus olhos pareciam ainda seguir aquele que me pegava educadamente pelo braço, auxiliando me no sentar.

Virei a cabeça para Giovanni:
- Giovanni, para de gritar, por favor. Eu estou bem. Sério! Mas acho que bati a cabeça. Então, por favor, para de falar dentro da minha cabeça.
- A EMMA DESCULPA!!! - Ele continuava gritando, então olhei com 'o olhar'. 
- Hum, ops, desculpe. Que bom que você está bem, fiquei preocupado. - Ele falou em um tom de voz mais decente.

- Mesmo estando bem, te levarei ao médico. Você bateu a cabeça, linda. É importante ver se tudo está realmente bem. 

Ah, ele me chamou de linda. O desconhecido de 1m80, que ainda me segurava pelo braço, me chamou de LIN-DA!!!!! Não pode ser. Eu já estava olhando novamente para ele de forma estática. 

- Emma!!!!Emma?! EMMA!!!!! - Hunf, o Giovanni não foi passear ainda?!
- NÃO GRITA GI!!!!!!! O que foi?!
- Desculpe de novo, mas você parecia não respirar, estava tal qual uma estátua.

Derrr...você viu o homem que está segurando o meu braço...A propósito...

- Gi, quem é ele? - Cochichei rapidamente no ouvido de meu amigo escandaloso, enquanto apontava discretamente com a cabeça. 
- Ah, desculpe. Emma esse é meu amigo Luigi. Luigi essa é Emma.

Ele abriu um icógnito sorriso cativante. Continuou me segurando e, com a outra mão, me cumprimentou.

- Prazer Emma. Desculpe pela trombada. Você está bem mesmo? O que aconteceu? Parecia tão desesperada!

Ah, ótimo, ele me viu em um dos meus piores momentos. Porque eu estava desesperada mesmo?! 

- Eh, olá Luigi. Imagina, desculpe eu por parecer uma louca em fuga. Estou bem sim, obrigada. - E continuei segurando a mão dele mas, tive a sensação que ele também não queria largar. E, todo preocupado emendou:
- Ainda acho que precisamos te levar ao médico. Você bateu a cabeça...

Linda?! Ele vai concluir com o Linda de novo?! 

-...e, normalmente, quando batemos a cabeça é importante ir ao médico. Principalmente se avaliarmos o impacto que você teve.

Hum...ele não falou. Será que eu delirei, é possível. De repente, Luigi está mais do que certo e terei alucinações para o resto da vida. Vou ficar igual o Eli Stone?! Nãoo...Bem pelo menos ele está preocupado né?! Achei melhor responder:

- Luigi obrigada pela preocupação. Irei sim. Giovanni, você me leva?!
Giovanni ia se pronunciar quando Luigi completou por ele.
- Claro que vai, não é Giovanni?!
Com uma cara de espanto, ele confirmou que iria. 

Já no carro, esperava ser largada no banco de trás. Mas, quando dei por conta, Luigi estava sentando ao meu lado, enquanto falava para Giovanni que ficaria comigo por via das dúvidas. Vai que eu desmaiasse. Pensando bem, não seria uma má idéia :-)

Enquanto dirigíamos para o hospital. Giovanni, como um bom amigo, começou a falar um pouco mais de Luigi:

- Eu e Luigi somos amigos de longa data. Luigi veio passar as férias aqui. Ele chegou ontem, e, antes de você quase derrubá-lo com sua maluquice, eu estava mostrando a cidade para ele.

Mostrei a língua para Giovanni, não resisti. Ele sorriu, um sorriso de entrega. Ele sabia, Luigi fazia meu tipo...Fiquei vermelha!!! E neste exato momento, como não bastasse, Luigi estava me observando.

- Emma, você está vermelha! O que foi? - E soltou uma leve risada. Fiquei mais vermelha e respondi que devia ser efeito da pancada! Efeito da pancada?! Fala sério né Emma, agora sim você não ouvirá mais ele falar que é LINDA. Ele falou né?!

- Hum, sei. Ele respondeu enquanto continuava a me assistir e sorrir. Então, virou para frente e todos começamos a falar de forma desenfreada...

Ops...acho que vou tomar um café, parece que o voo atrasou... duas horas! DUAS HORAS!!! Não acredito...é muitoooo...E, eu pelo visto me empolguei na volta ao tempo...Bem, pelo menos na companhia do café, dá para contar mais...



(Fim da primeira parte - Ah, para quem ainda não me conhece, sou Emma a mais nova personagem, doida, e vivenciarei muitas aventuras e estórias no coisas da vida)

You May Also Like

4 comentários

  1. Muuuuitoooo boa Carolassss..... eu amei a Emma... e sabe que me identifico até com ela...hahahahhaha

    Bjossss amore.....

    BESOS...
    BACIO...
    KISS...

    ReplyDelete
  2. Carol!

    Acho que nem preciso dizer que fiquei MUITO feliz com a sua volta. Teu post de retorno está MUITO bom e confesso que etsou louca para saber a continuação desta história... Sério!Adoro histórias assim: repleto de sentimentos, confusões sentimentais e muitas recordações! MUITO BOM!

    Ah, adorei te encontrar ontem na Avenida Paulista. Como sempre, foi uma agradável surpresa... Sério! Fiquei feliz em te ver, você está muito bem - bonita e sorridente como sempre - e MUITO obrigada pelo seu comentário em meu blog. É bom saber que amigos queridos continuam a contemplar meus espacinho sentimental!

    Bom retorno, viu?!
    E fico no aguardo de uma continuação... Mas não demore muito. Não me mate de ansiedade POR FAVOR!

    Beijos =D

    ReplyDelete
  3. This comment has been removed by the author.

    ReplyDelete
  4. Anonymous12:44 AM

    Desculpe Emma, atrasei um pouco, mas estou chegando. Por favor me aguarde!
    bjus linda!

    Luigi.

    ReplyDelete