Coisas Da Vida !!!

A vida pode nos deixar de "boca aberta" em momentos e circunstâncias velhas, novas, iguais e diferentes

Diga-me seu nome, não seu nick

by - 1:42 PM

- Então é sua mulher que sustenta e manda nessa casa?!

Iniciando mais um ano do século XXI. Século das tecnologias que distanciam ao mesmo tempo que aproximam as pessoas uma das outras. Onde o comportamento tem sido regido por uma opinião massificada e, ao mesmo tempo, outros se escondem para não se sentirem tão atingidos por essa única ideia. Mas, não deixam de participar de seus 'grupos'.

A internet como facilitadora da informação, os games criando suas realidades virtuais, com tamanha força complicando a separação da realidade real com a virtual. Nestes mundos tão opostos e tão parecidos, a ambiguidade comportamental vem com tudo em 2010.

É neste contexto que O Pato Selvagem é inserido. Peça escrita em 1884 por Henrik Ibsen, sabiamente contemporanizada pela Cia. Les Commediens Tropicales. Em meio a tantas mentiras ou, possíveis mentiras, em qual devemos acreditar ser a verdade?! Apenas na conveniente?! Até que ponto nós mesmo não criamos nossas realidades falsas para facilitar nossas vidas. Seja nas amizades apenas pelo msn ou, o avatar representado em algum jogo on-line.

Impressionante observar a genialidade de Henrik Ibsen e como sua temática pode ser tão atual. Les Commediens trazem ao palco uma apresentação rica, na mensagem e no visual. Sua aceleração nos diálogos a ponto de nos perdermos por alguns momentos, muito representam essa nova geração que faz tudo ao mesmo tempo: escovam os dentes, enquanto falam ao celular, no msn, ouvem música e ainda preparam a próxima refeição.

A velha discussão de quem manda na casa e põe a comida na mesa. Qual deve ser o certo?! O avô com seu salário, a mulher com seu trabalho, o marido com algo que ainda não sabe, mas, traz o dinheiro. A casa será menos digna por ser qualquer um deles menos o homem?! A opinião alheia, seja do vizinho ou do amigo de infância é saudável?!

Entre conversas, discussões e necessidades da verdade, a ausência de realmente estar presente para prestar atenção no que o outro está falando pode ser drástica. Pois, muito se tem falado, muitas informações chegam, mas, afinal de contas, quanto realmente tem sido processado?! Os ouvidos não parecem mais escutar nada. Os olhos ficam cegos antes do tempo.

Na necessidade de se proteger cria-se o falso e não vive-se. Medo de se comprometer, medo da sombra. Morre-se antes mesmo de estar à 7 palmos.

O Pato Selvagem é uma experiência que precisa ser vivenciada, na verdade, de certa forma, já o fazemos. Ou não?! Bem, fica o convite para saber o quê um pato selvagem pode fazer no sotão da casa de uma família comum.



O Pato Selvagem
SESC Santana
09.01-21.02
Sábado às 21h; Domingos às 19h30
R$16 (inteira); R$8 (meia); R$4(matriculados SESC)

You May Also Like

1 comentários

  1. Oi Carol...

    Valeu pelo texto.

    A família Commediens agradece!

    Há braços

    ReplyDelete