Coisas Da Vida !!!

A vida pode nos deixar de "boca aberta" em momentos e circunstâncias velhas, novas, iguais e diferentes

O Clube de Leitura de Jane Austen

by - 2:59 PM

Ao afirmar que curto ler histórias de Jane Austen preciso me preparar para muitas caras de ‘irch’, ou até mesmo, dúvida. Entre aqueles que não gostam nenhum pouco da escritora, mesmo nunca terem lido uma linha de seus romances, até aqueles que não têm a mínima idéia de quem seja Jane Austen, poucos são os que compartilham deste gosto comigo.

Não me importo. Já li várias de suas obras, possuo algumas e outras até estão presentes em minha prateleira de dvd’s. Mesmo muitos tentando me ‘acordar’ com frases como: você não encontrará um Mr.Darcy; ou, esqueça os belos jardins...Não me importo, vivo com os pés na realidade, porém, deixando que meus dedos toquem o mundo inglês, dramático e romântico de Austen.

Um dia, em um de meus passeios por uma locadora esbarrei no ‘O clube de leitura de Jane Austen’ (The Jane Austen Book Club,2007), pronto, não precisava de mais nada. Nenhuma informação extra, apenas por ter Jane Austen no título já sabia que deveria assistir.

Para minha completa surpresa e felicidade o filme conseguiu superar todas as expectativas, você pode afirmar que sou suspeita, já que sou uma fã de Austen, porém, veja por outra perspectiva, sendo tão fã isso me torna mais exigente, então...

Seis pessoas resolvem se juntar para começar um clube de leitura, escolhidas por serem conhecidas, ou apenas por algum trombão no elevador, ou na fila do cinema. Não importa, todas possuem algo em comum. São leitoras de Jane Austen, ops, menos uma, claro que se trata de um homem. Afinal de contas, que homem já leu Jane Austen por livre e espontânea vontade?! Hunf, por isso é tão complicado encontrar um Mr.Darcy ou seus conterrâneos.

Enfim, a razão do número: a quantidade de livros publicados por Jane Austen. Cada um foi incubido de ler um livro e nos encontros as discussões aconteceriam. 06 meses, 06 títulos, 06 pessoas e somente Jane Austen entre eles. Em cada leitura, em cada encontro, uma descoberta, Jane Austen parecia ter participado de suas vidas, pois, as histórias se tornavam cada vez menos irreais.

A intensidade com que suas vidas acontecem enquanto lêem esses romances, e como seus personagens parecem criar vida com seus leitores me faz lembrar o quão maravilhoso é saber que um livro pode propiciar isso. Sim, isso inclui livros ‘bobos de romance’.

O filme consegue engrenar seis histórias com humor, estilo, reviravoltas. Mostra que a vida não perde seu encanto apenas por ser imperfeita. Pelo contrário, ela pode fornecer mais do que os belos jardins das mansões inglesas. Talvez, a realidade dos romances de Jane Austen tenha mais haver com a sua vida do que se possa imaginar.

Mesmo não sendo um amante de Jane Austen, indico que deixe o preconceito e assista o filme. Vale a pena. Ele é suave, as risadas são garantidas e, se você é homem, notará como os personagens masculinos lidam com a presença de Jane Austen em sua vida. Poderá, no final, sentir vontade, mínima que seja, em ler pelo menos alguns parágrafos de Austen. Só não sei se conseguirá parar em uma única folha.

Aos amantes de Jane Austen um filme para se ter em casa e aos não amantes, um filme que ensinará, de maneira divertida e inteligente, muito, não só sobre os romances da inglesa Jane Austen.

You May Also Like

0 comentários